Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2013

Ação racista da PM de São Paulo

Imagem
Por Nayhara Almeida de Sousa, do GERAA - Grupo de Estudos sobre Raça e Ações Afirmativas da UFMS. Para saber mais acesse: http://geraaufms.blogspot.com.br.
Atualmente foram divulgados dados alarmantes sobre o extermínio da juventude negra como resultado de uma criminalização da pobreza brasileira mascarada por uma fracassada  guerra às drogas. A criminalização da pobreza funciona como uma espécie de controle militar e social exercido pela polícia. A Pobreza brasileira tem cor e é marcada pela falta de assistência do Estado e de políticas públicas de qualidade. Deste modo o Estado só aparece nas regiões com altos índices de violência em sua forma militar, a truculenta polícia militar brasileira.     As notícias divulgadas pela imprensa de São Paulo, só vem afirmar o caráter racista da PM em considerar quem é o suspeito para cometer atos criminosos na região. No mês de dezembro após um assalto no bairro Taquaral, um dos mais nobres de Campinas a PM dá ordem para abordar negros…

O Combate à Corrupção nas Prefeituras do Brasil

Imagem
O livro "O Combate a Corrupção nas Prefeituras do Brasil" é um guia para a detecção de corrupção no âmbito municipal e de mobilização da sociedade civil para o controle social. Foi escrito a partir da experiência da AMARRIBO Brasil, da Rede AMARRIBO Brasil-IFC. 
A publicação descreve as principais formas que assume a fraude municipal, indica instâncias públicas de denúncia e apresenta casos práticos de participação cidadã. Também é contada a história do movimento que se iniciou em Ribeirão Bonito para combater a corrupção municipal e se disseminou pelo Brasil. Sua última edição conta ainda com informações sobre as recentes conquistas nacionais da sociedade civil, como a Lei da Ficha Limpa e a Lei de Acesso à Informação.
A versão eletrônica é disponibilizada gratuitamente em português e espanhol. Para adquirir a versão impressa acesse nossa loja virtual e faça seu pedido.


Faça aqui o download da 5ª Edição em Português e da 4ª Edição em Espanhol.
Para adquirir a ve…

Seminário Marx: A criação Destruidora

Imagem
Retrato de Karl Marx feito com massinha pelo artista plástico Nobru


A Boitempo está por tras do projeto internacional. MARX: a criação destruidora terá início no dia 11/03, às 11h (R$10 para toda a etapa), pelo site http://marxcriacaodestruidora.com.br. A segunda etapa, intitulada IV Seminário Margem Esquerda: Marx e O capital, com destaque para a conferência do geógrafo britânico David Harvey, que lançará o livro Para entender O capital, e do cientista político alemão Michael Heinrich.
A segunda etapa também contempla vários debates com alguns dos mais renomados especialistas em Marx, como 
Francisco de Oliveira  [sociólogo] João Quartim de Moraes [filósofo] Emir Sader [sociólogo] José Arthur Giannotti [filósofo] Roberto Schwarz [crítico literário] Leda Paulani [economista] Paul Singer [economista] Virgínia Fontes [historiadora]









Reportagem de Cassiano Elek Machado publicada na Folha de S.Paulo , 22 de fevereiro de 2013.

Nos arredores de Budapeste há um parque chamado Szoborpark, o Parque …

1984 e os Realitys Shows - Rituais de Sofrimento

Imagem
Silvia Viana trata no video sobre a obra 1984 de George Orwell e compara com os atuais Realitys Shows. Descreve como fez o estudo do seu livro `Rituais de Sofrimento` que trata dos temas desses programas que produzem sofrimento e alienacao.



Era FHC A regress'ao do trabalho

Imagem
Recorde de desemprego, corrosão dos salários, avanço da informalidade e desmonte da legislação trabalhista. Se os anos 80 marcaram a “década perdida” da economia, os anos 90 devem entrar para
a história como a “década maldita” do ponto de vista do trabalho. Nunca os brasileiros foram tão violentados em suas formas de subsistência. A frágil regulação do trabalho erguida após 1930, na chamada “era Vargas”, sofreu brutal retrocesso na “era neoliberal”, iniciada por Fernando Collor e intensificada no reinado de FHC.
Autores: Marcio Pochmann e Altamiro Borges

 Acesse o link para ler a obra AQUI!



Um pouco de Antropologia

Muito além do peso - 2012

Imagem
(Brasil, 2012, 84min. Direção: Estela Renner)

Dos mesmos produtores de Criança, a Alma do Negócio.
Sinopse: "Pela primeira vez na história da raça humana, crianças apresentam sintomas de doenças de adultos. Problemas de coração, respiração, depressão e diabetes tipo 2.
Todos têm em sua base a obesidade.
O documentário discute por que 33% das crianças brasileiras pesam mais do que deviam. As respostas envolvem a indústria, o governo, os pais, as escolas e a publicidade. Com histórias reais e alarmantes, o filme promove uma discussão sobre a obesidade infantil no Brasil e no mundo."

"Gostaria que esse filme passasse em cada sala de aula do Brasil" - Frei Betto


Site Oficial

Assista online na Íntegra (Vimeo)
ou
Download do filme completo (515Mb )
Download do filme completo em Full HD (1,4Gb)


Baixe gratuitamente a versão oficial do documentário "Muito Além do Peso". Assim você pode montar sua própria exibição em sua escola, na sua comunidade ou entre ami…

O povo brasileiro

Imagem
(Brasil, 2000, 10 programas de cerca de 30 min - Direção: Iza Ferraz)

Um grande sociólogo brasileiro traz um retrato das origens da cultura brasileira. O que é algo muito difícil de realizar. Não devemos nos preocupar apenas com o presente, ou com o futuro. Mas sim com a origem.  Apesar de diversas interpretações e críticas, o estudo do da questão da miscigenação brasileira é valido. Um Brasil de mistura. De diversas etnivas, raças, linguas que formam a cultura rica que deve ser respeitada.
Rapidshare -> 10 Capítulos: 1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - 9 - 10
Torrent dos 10 capítulos + subtitulos en fr spa

João Pedro Stedile - Provocações - 08/01/2013

Imagem
Líder nacional do Movimento Social dos Trabalhadores sem Terra, em entrevista com Antonio Abujanra no programa Provocações.

"O MST é um movimento social que procura organizar os pobres do campo para que eles lutem por um direito que está na constituição: o de trabalhar na terra." diz o coordenado por João Pedro Stedile.

Intertexto - Primeiro levaram os negros...

Primeiro levaram os negros
Mas não me importei com isso
Eu não era negro

Em seguida levaram alguns operários
Mas não me importei com isso
Eu também não era operário

Depois prenderam os miseráveis
Mas não me importei com isso
Porque eu não sou miserável

Depois agarraram uns desempregados
Mas como tenho meu emprego
Também não me importei

Agora estão me levando
Mas já é tarde.
Como eu não me importei com ninguém
Ninguém se importa comigo.

Bertold Brecht

Nada é impossível de mudar - Bertold Brecht

Imagem
Desconfiai do mais trivial, na aparência singelo.
E examinai, sobretudo, o que parece habitual.
Suplicamos expressamente: não aceiteis o que é de hábito como coisa natural, pois em tempo de desordem sangrenta, de confusãoorganizada, de arbitrariedade consciente, de humanidade desumanizada, nada deve parecer natural nada deve parecer impossível de mudar.



Bertold Brecht

Se os tubarões fossem homens - Bertold Brecht

Imagem
Se os tubarões fossem homens, eles fariam construir resistentes caixas do mar, para os peixes pequenos com todos os tipos de alimentos dentro, tanto vegetais, quanto animais.

Eles cuidariam para que as caixas tivessem água sempre renovada e adotariam todas as providências sanitárias, cabíveis se por exemplo um peixinho ferisse a barbatana, imediatamente ele faria uma atadura a fim que não morressem antes do tempo.

Para que os peixinhos não ficassem tristonhos, eles dariam cá e lá uma festa aquática, pois os peixes alegres tem gosto melhor que os tristonhos.

Naturalmente também haveria escolas nas grandes caixas, nessas aulas os peixinhos aprenderiam como nadar para a guela dos tubarões.

Eles aprenderiam, por exemplo a usar a geografia, a fim de encontrar os grandes tubarões, deitados preguiçosamente por aí. aula principal seria naturalmente a formação moral dos peixinhos.

Eles seriam ensinados de que o ato mais grandioso e mais belo é o sacrifício alegre de um peixinho, e que todos…

Arte e idéias políticas

Cuidado com os que dizem que a arte não deve propagar idéias políticas. Eles se referem apenas às idéias políticas contrárias às suas. Jorge Luis Borges
Jorge Luis Borges (1899 — 1986) foi um escritor, poeta, tradutor, crítico literário e ensaísta argentino.

Programa Provocações - Lauro Cezar Muniz

Imagem
Na entrevista trata-se de religião, comunismo, midia de massa e elementos que desconstrói muito de senso comum.
O Abujanra é um provocador e instiga o entrevistado a falar sobre a vida e a morte.

Curso de Política à distância e semipresencial

Imagem
Para todos aqueles interessados em entender mais o processo político, há conteudos gratuitos na internet e também presenciais.  A Fundação Ulysses Guimarães (FUG), promove cursos de educação política para todo o Brasil, é só procurar o site da instituição. Entre AQUI! Tem também um conteúdo especialmente desenvolvido pela Fundação Mario Covas e disponibilizado pelo Instituto do Legislativo Paulista (ILP), que o formatou para a internet. O curso pode ser acessado AQUI. Merece atenção especial, também, os cursos desenvolvidos pelo Interlegis, um dos principais programas de educação do Senado Federal. As atividades ocorrem on-line e são gratuitas. Acesse AQUI.

Orçamento público ao seu alcance

Imagem
Nesta publicação o Inesc apresenta noções básicas do orçamento público. O objetivo é contribuir para que cidadãos e cidadãs aprendam a acompanhar os gastos governamentais e se mobilizem para inervir nas decisões sobre o destino dos recursos públicos.


Veja a versão em PDF




Fonte: INESC

Para mudar: Reforma política Já!

Imagem
A cartilha abaixo, mostra de uma forma simples e esclarecedora a proposta de reforma para a população.
Cartilha esclarece a população sobre as propostas da Iniciativa Popular pela Reforma do Sistema Político. Confira Baixe em : PDF